Exercícios Físicos no Inverno: Agasalho e hidratação fazem toda a diferença

Por Prof. Dr. Istvan de Abreu Dobranszky – Diretor da Faculdade de Educação Física da PUC-Campinas

É notório que a prática de exercícios físicos é importante para a manutenção da força, resistência cardiorrespiratória, flexibilidade, coordenação motora, aumento da autoestima, autoconfiança e combate a diversas doenças crônicas, como hipertensão arterial, doenças cardiovasculares, diabete mellitus, diminuição do estresse, e depressão. Pesquisas comprovam que os efeitos são mais duradouros se os exercícios físicos forem realizados continuamente, e com regularidade. Existem efeitos agudos, ou seja, imediatos logo após a realização dos exercícios, como alívio de tensões musculares e psicológicas. Outros ganhos são crônicos e sentidos após algumas semanas, pois a adaptação ocorre gradualmente, gerando também progressos associados aos aspectos musculares e psicológicos, e no combate às doenças crônicas.

A interrupção dos exercícios físicos leva, consequentemente, a diminuição dos seus efeitos benéficos, sendo que algumas perdas ocorrem de forma mais rápida, dependendo do tipo de exercício físico (aeróbio ou anaeróbio, musculação, corrida/caminhada, natação, futebol, ginástica, bicicleta, entre outros), tempo de prática regular (6 meses, 1 ano, 4 anos), frequência semanal dos treinos, objetivo, genética.

Porém, independentemente do exercício e frequência praticada, a sua interrupção sempre causará uma perda ao organismo. É o que ocorre no inverno, época do ano em que as pessoas costumam diminuir a regularidade dos exercícios físicos, em razão das temperaturas mais baixas, especialmente no começo da manhã e final da tarde. Para evitar essa “fuga” das atividades físicas, uma das dicas principais reside no maior uso de agasalhos e na sua correta utilização.

Na prática

Procure iniciar o aquecimento um pouco mais agasalhado, e somente tire-o antes do início da parte principal dos exercícios de média e alta intensidade, isso se estiver em um ambiente fechado. No caso de lugares abertos, deve-se avaliar a temperatura e o vento, pois dependendo do frio e das condições de vento, é muito importante trajar algo que proteja o tronco, pois, ao transpirar com a intensidade dos exercícios físicos, o suor, em contato com o ambiente frio, torna o corpo mais suscetível a doenças respiratórias.

No geral indica-se o uso de agasalhos corta-vento, leves e que auxiliam da proteção do frio e vento. O objetivo do agasalho é evitar o frio, mas ao mesmo tempo, não aumentar demasiadamente a temperatura corporal.

Ao utilizar o agasalho, a transpiração poderá aumentar e a ingestão de água também deve ser vigiada ainda mais atentamente, se possível com o uso de isotônicos. Com esses cuidados em dia, o importante é não interromper a prática dos exercícios e, assim, manter os benefícios da prática esportiva em seu organismo.