Arquivo da tag: puc-campinas informa

Inscrições para o Programa PUC-Campinas Empreende vão até o dia 24

Por Sílvia Perez

Com o cenário de crise econômica e desemprego no país, muitas pessoas desejam empreender, começar o próprio negócio, mas nesse momento surgem várias dúvidas: “Por onde eu começo?”, “Qual é o melhor ramo para investir”, entre outras. Se você se identificou com a situação acima não perca tempo, inscreva-se para o Programa PUC-Campinas Empreende 2017, as inscrições vão até o dia 24 de março.

Podem se inscrever alunos ou ex-alunos dos Cursos de Graduação e de Pós-Graduação da Universidade, assim como professores e funcionários da PUC-Campinas.

O PUC-Campinas Empreende inclui dois projetos: Ideias de Negócio e Pré-Incubação de Ideias.

O Coordenador do Programa, Tiago Aguirre, explica a diferença entre os projetos: “O projeto Ideias de Negócio apoia a criação de grupos interdisciplinares e a experimentação de ferramentas para modelagem de negócios utilizadas por Startups e Corporações, estimulando a formação de uma comunidade de empreendedores. Já o projeto Pré-Incubação de Ideias atua no processo de validação das ideias de negócio por meio do relacionamento com potenciais clientes do produto ou serviço idealizado, no desenvolvimento do protótipo de um produto, processo ou serviço, estimulando a criação de novas empresas que ofereçam ao mercado produtos ou serviços diferenciados”, destaca.

Mais informações sobre o programa e inscrições estão disponíveis no link: https://www.puc-campinas.edu.br/proext/programa-puccampinas-empreende/.

 

Departamento de Medicina do Trabalho da PUC-Campinas inicia trabalho de ergonomia para os funcionários

Por Sílvia Perez

Para melhorar a qualidade da saúde dos colaboradores da PUC-Campinas, o Departamento de Medicina do Trabalho (DMT) da Universidade deu início, no mês passado, a uma análise ergonômica que vai percorrer todos os departamentos da Instituição, por meio da contratação da Fisioterapeuta do Trabalho, Natália Baroni. A ergonomia é o conjunto de disciplinas que estuda cientificamente a relação entre o homem e seus meios, métodos e espaços de trabalho.

A avaliação é feita nos postos de trabalho, relacionando o ambiente, a organização, as ferramentas utilizadas e o desenvolvimento das atividades com a função desempenhada. A partir dessa análise é feito um laudo que propõe melhorias que garantam a melhor adaptação do colaborador com suas atividades de trabalho, sejam elas melhorias nos postos, no ambiente ou na organização do trabalho em conjunto com os equipamentos utilizados.

De acordo com a Enfermeira do Trabalho do DMT, Fernanda Brognaro dos Santos, a contratação de uma Fisioterapeuta do Trabalho é um sonho antigo do departamento. “Queríamos um profissional específico para realizar a análise ergonômica dos colaboradores, porque a ergonomia ajuda na melhoria da qualidade de vida, uma vez que proporciona um ambiente de trabalho mais seguro e saudável”, ressaltou.

Além das análises ergonômicas, Natália Baroni dará, também, orientações posturais e treinamentos sobre a utilização adequada dos equipamentos, além de propor adaptações de mobiliários e equipamentos em todos os Campi.

Cuidando da Saúde

O programa Cuidando da Saúde, desenvolvido pelo DMT da PUC-Campinas, vai oferecer três palestras motivacionais neste mês de março. O objetivo do projeto é estimular a conscientização da comunidade no que diz respeito às situações de risco à saúde, já que hábitos saudáveis melhoram a qualidade de vida dentro e fora do trabalho.

 

Cuidando da Saúde – Palestras Motivacionais
Campus I Campus II Col. Aplicação PIO XII
28/03/2017 29/03/2017 30/03/2017
14h 14h 14h
Prédio H02 – Sala 900 Auditório da Biblioteca Sala de Multimeios

 

 

Achados e Perdidos

O Departamento de Segurança Universitária da PUC-Campinas dispõe de um controle de objetos perdidos e que ficam disponíveis nos Campi.

A procura por objetos perdidos com identificação, como documentos, pastas e carteiras, pode ser feita no Campus I pelo telefone (19) 3343-7123 ou diretamente na Administração do Departamento de Segurança Universitária, sala 19 do prédio da antiga Reitoria, no horário das 8h às 12h e das 13h às 17h ou na Base da Segurança, no prédio H-00. No Campus II, a consulta pode ser feita pelo telefone (19) 3343-6869 ou na Base da Segurança (próximo das quadras poliesportivas).

Os objetos permanecem à disposição dos interessados pelo prazo de 90 dias.

Objetos não procurados, tais como cadernos, livros, pastas e peças de roupas serão encaminhados para a Pastoral Universitária para doação às Instituições de caridade.

Grupos de Trabalhos para a construção de Trilhas de Aprendizagem

A Pró-Reitoria de Graduação lança mão, em 2017, de 8 Grupos de Trabalhos (GTs) constituídos por professores Integradores Acadêmicos (IAGs) de diferentes Centros para, juntamente com os Grupos de Apoio Pedagógicos (GAPs), continuar sua atuação centrada na figura do ALUNO, estando ele na sala de aula, realizando atividades práticas laboratoriais ou de estágio, compartilhando conhecimentos com profissionais de instituições parceiras, realizando monitoria, Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) ou Atividades Complementares.

Para atingir esse objetivo, os GTs irão desenvolver projetos voltados à construção de Trilhas de Aprendizagem como a gamificação (GT: Estratégias Inovadoras de Aprendizagem), implantar o projeto “Atividades Complementares: módulos para uma Comunidade de Aprendizagem e Formação” em cada Centro (GT: Atividades Complementares), aprimorar a Avaliação do Ensino (GT: Avaliação de Ensino), concretizar o Escritório de Talentos e Carreiras voltado a atender os alunos que buscam estágios (GT: Estágio), promover parceria da Universidade com Instituições Públicas e Privadas em projetos colaborativos (GT: Integração Graduação X Sociedade), verificar demandas da sociedade em busca de novas oportunidades visando à criação de novos cursos e atualização dos existentes (GT: Tendências da Educação Superior), fomentar e criar espaços de discussão dos projetos de Capacitação dos Docentes (GT: Programa Permanente de Capacitação dos Professores), aprimorar a qualidade do Trabalho de Conclusão de Curso (GT: TCC).

Assim, com projetos diversificados, busca-se fomentar o processo dinâmico-reflexivo da prática pedagógica acerca de seus fundamentos conceituais, estratégicos e operacionais, de modo que os processos de mudança sejam orientados por parâmetros que garantam a identidade universitária e promovam um ensino cada vez mais inovador.

 

PUC-Campinas Informa

Aula inaugural aborda a inclusão da pessoa com deficiência

Palestrante Zelia Bittencourt - Crédito: Álvaro Jr.
Palestrante Zelia Bittencourt – Crédito: Álvaro Jr.

A Faculdade de Serviço Social trouxe o tema “Políticas Públicas de Inclusão da pessoa com deficiência” para o centro do debate em sua aula inaugural. A palestrante Zelia Bittencourt é formada pela PUC-Campinas e Doutora em Saúde Coletiva pela UNICAMP abordou que apesar das conquistas e da legislação que existe sobre a inclusão social, as barreiras são muitas, especialmente ao que tange o mundo do trabalho e a escolarização. “Existem políticas públicas, o desafio é a sua aplicação”, afirma.  Zélia lembrou o Estatuto da Pessoa com Deficiência, que entrou em vigor em janeiro de 2016, o qual vislumbra a ampliação dos direitos da pessoa com deficiência, principalmente ao que tange os direitos civis. A especialista reforçou a importância da divulgação dessa nova legislação para que a questão da deficiência seja debatida em todas as esferas da sociedade.

 

Acessibilidade nas bibliotecas da PUC-Campinas

As Bibliotecas do Sistema de Bibliotecas e Informação  oferecem condições de acessibilidade atitudinal, programacional, arquitetônica, comunicacional , metodológica e tecnológica.

A presença da pessoa com deficiência nas Bibliotecas da PUC-Campinas é garantida pela existência de acessibilidade atitudinal expressa no atendimento inclusivo pelos funcionários em relação os usuários em geral.

As Bibliotecas são dotadas de rampas, elevadores com voz, piso tátil, espaço adequado para circulação entre as estantes e mobiliário adequado, como altura de balcão para atendimento aos usuários cadeirantes, permitindo então a acessibilidade arquitetônica a todos os seus usuários.

Para vencer as barreiras comunicacionais, instrumentais e digitais, as Bibliotecas dispõem de ajuda técnica no atendimento às pessoas com deficiência visual, cegueira e baixa visão, oferecendo softwares conversores de texto em áudio, como o NVDA, lupas eletrônicas e o equipamento BookReader que permite autonomia no uso de materiais bibliográficos como os livros e revistas a partir de simples digitalização dos textos e imagens que podem ser ouvidas através de software conversor interno, em microcomputadores existentes nas Salas de Apoio, bem como o  acervo Braille também presente nas Bibliotecas.

A existência de acessibilidade nas Bibliotecas da PUC-Campinas está representada nas atitudes de nossos funcionários e na infraestrutura física e de recursos de informação e de equipamentos adequados para nosso público em geral com o objetivo único de colaborar no processo de aprendizagem por meio da obtenção de autonomia de competência informacional para a formação plena de nossa comunidade acadêmica.

 

 

Com informações de Rosa M.V.Bertolini Oliveira, Coordenadora do SBI/PUC-Campinas

 

 

PUC-Campinas Informa

Pesquisadora Lucia Santaella realiza aula inaugural do Mestrado em Linguagens, Arte e Mídia

Aula Inaugural PPG Limiar: Linguagens, Mídia e Arte - "A relevância da interdisciplinaridade" com profª Lucia Santaella
Aula Inaugural PPG Limiar: Linguagens, Mídia e Arte – “A relevância da interdisciplinaridade” com profª Lucia Santaella

O Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Linguagens, Mídia e Arte recebeu a palestra da Vice-Coordenadora do PPG Interdisciplinar Tecnologias da Inteligência e Design Digital da PUC-São Paulo, Profa. Dra. Lucia Santaella, no dia 1º de março de 2016.

Durante a aula inaugural, Santaella abordou sua trajetória na pesquisa, indicando que a interdisciplinaridade sempre esteve presente em seus estudos. A pesquisadora ressaltou a importância de um campo teórico que conglomere várias áreas do saber. “O mundo está muito complexo. Não é possível observá-lo apenas por um ponto de vista”, defendeu.

O Mestrado em Linguagens, Mídia e Arte tem como objetivo qualificar seus alunos para a pesquisa, a docência e para inovação em sua prática profissional.

Lucia Santaella possui 41 livros publicados, dentre os quais seis são em coautoria e dois sobre estudos críticos. Organizou, ainda, a edição de 15 livros. Além dos livros, Lucia Santaella tem mais de 300 artigos publicados em periódicos científicos no Brasil e no Exterior. Suas áreas mais recentes de pesquisa são: Comunicação, Semiótica Cognitiva e Computacional, Estéticas Tecnológicas e Filosofia e Metodologia da Ciência.

Engenharia Ambiental: Ação solidária na Mata de Santa Genebra

A Área de Relevante Interesse Ecológico Mata de Santa Genebra, em Barão Geraldo, recebeu no dia 8 de março, os alunos ingressantes do curso de Engenharia Ambiental da PUC-Campinas para o “Trote da Sustentabilidade”. Cada aluno plantou uma muda de árvore nativa no local, podendo acompanhar o seu desenvolvimento.

Os calouros tiveram orientação de equipes especializadas em reflorestamento. As mudas recebem um cadastro com a identificação digital por QR Code. Além do plantio, houve uma palestra sobre os temas: fragmentação florestal, unidade de conservação, manejo e recuperação florestal, ministrada por colaboradores da Mata Atlântica de Santa Genebra.

O Trote da Sustentabilidade é um projeto do Banco de Áreas Verdes (BAV) da Secretaria Municipal do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SVDS) que, com o apoio da Fundação José Pedro Oliveira (FJPO) e da PUC-Campinas, teve por objetivo envolver a comunidade acadêmica no trabalho de recomposição da área verde do município.

A ação marcou o início da restauração dos 23 hectares da Mata de Santa Genebra que foram consumidos por incêndios no passado. As espécies a serem plantadas foram indicadas pela Fundação José Pedro de Oliveira, que administra a área.

PUC-Campinas lança aplicativo para alunos

Foto 3 PUC Campinas Informa

A PUC-Campinas, no início do semestre letivo de 2016, lançou o App Aluno PUC-Campinas. A nova ferramenta possibilita maior interação, facilitando o acesso dos estudantes a informações acadêmicas, tais como, grade da semana, disciplinas cursadas e dados pessoais.

Com ele, o aluno poderá consultar em que salas ocorrerão as aulas de seu curso, a frequência e as notas, quando ambas já estiverem liberadas pelo docente da disciplina.

Desenvolvido pelo Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação (NTIC) da PUC-Campinas, o aplicativo também promove notificações quando ocorre troca de sala de aula, sobre a frequência do mês e quando o aluno realiza mudança de grade durante o semestre.

A intenção da Universidade é ampliar o aplicativo com novas funções.

O aplicativo está disponível no Google Play, para Android e nos próximos dias na Apple Store, para iOS.

Sugestões e mais informações pelo e-mail contato.apps@puc-campinas.edu.br